Nervos de aço (2014)

Brasil (RJ-RS-SP)
Longa-metragem | Ficção
HDTV, cor, 84 min

Direção: Maurice Capovilla.
Companhia produtora: Saturna Produções; Atama Filmes; Canal Brasil; Boa Vista Cinema; Kiko Ferraz Studios; Zenith Imagens Ltda.; Das Trilhas Coração; Claudinho e Preta Pereira Produções

Primeira exibição: Fortaleza (CE), 24º Cine Ceará Festival Ibero-americano de Cinema [15-22 nov]-Sessão de encerramento, Theatro José de Alencar, 22 nov 2014, sab
Primeira exibição RS: Porto Alegre (RS), Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 4 ago 2015, ter, 19h30 (pré-estreia)

 

Nervos de aço narra o drama de um triângulo amoroso a partir das músicas de Lupicínio Rodrigues, organizadas de tal modo que narram uma história de amor no plano musical e ao mesmo tempo se refletem sobre o drama passional de três personagens que vivem no presente. Ao escolher a música de Lupicínio Rodrigues como matéria-prima desse projeto, o que se quer é valorizar a memória de um dos mestres da música popular brasileira e ao mesmo tempo propor uma linguagem musical cinematográfica e televisiva capaz de emocionar as platéias com o eterno tema do amor. (notas da divulgação)

Ana Paula Lonardi de Souza (Porto Alegre, 17 de dezembro de 1986), depois de 12 anos de carreira, em 2017 adota o nome de Anaadi, palavra hindi que significa "eterno". Pelo seu primeiro CD, Noturno (2017), ganha em 2018 o Grammy Latino na categoria melhor álbum pop contemporâneo em língua portuguesa.

Sinopse


Ao longo do filme aparecem seis cartelas com frases como se fossem títulos de capítulos não numerados: Perdidos em cena / Amor só rima com dor / O fio da meada / Primeiro assalto de uma luta / No meio do furacão / O mal no coração da gente.

Os personagens fazem parte de uma banda que ensaia um show musical de Lupicínio Rodrigues. Um deles é o arranjador e diretor musical Joel, outro é Marcelo, um dos músicos, o terceiro é a cantora Maria Rosa, pivô do drama e por fim a produtora Cris. Enquanto ensaiam a trilha musical e discutem a forma do espetáculo, os personagens vivem seus dramas passionais em confronto ou consonância com as letras "dor de cotovelo" de Lupicínio Rodrigues. Desse embate de amores e paixões violentas vai surgindo a linha narrativa do espetáculo. A trilha sonora, ao narrar a história vai caracterizando o perfil dos personagens reais, encarnados por Joel, Maria Rosa, Cris e Marcelo. A ideia que se tem é que vai se repetir na vida real, o conflito amoroso da trilha musical. Mas não acontece bem assim. 

A história real, inspirada pelo tema do espetáculo, toma direção própria e desobedece o enredo musical, por conta de vários motivos, entre os quais, os conflitos pré existentes na vida dos personagens principais. Surgem então duas histórias que correm paralelas. O show musical de um lado enfoca o enredo de um ponto de vista dos personagens que surgem das músicas de Lupicínio, mas enquanto isso os personagens reais começam a sofrer na carne o medo e o preconceito de vivenciar suas verdadeiras emoções.

Ficha técnica


ELENCO
Arrigo Barnabé (Joel),
Anaadi (Maria Rosa),
Pedro Sol (Marcelo; violão),
Juliana Thomaz (Cris).
Músicos: Antonio L. Barker (piano), Antonio Guaracy (baixo acústico), Rafa Marques (bateria), Matias Capovilla (trombone de vara), Jorginho do Trompete (trompete), Sérgio Lyra (sax).
Não creditados: Gilberto Perin, Vera Carneiro, Cida Pimentel, Claudinho Pereira (na plateia da Sala Carlos Carvalho).

DIREÇÃO
Direção: Maurice Capovilla.
Assistência de direção: Roberto Burd, Samuel Telles.
Continuidade: Ketelen Pereira, Roberto Burd.

ROTEIRO
Argumento e roteiro: Maurice Capovilla.

PRODUÇÃO
Produção executiva: Marilia Alvim.
Direção de produção: Mônica Catalane.
Coordenação de produção: Dani Fogliatto.

Produção de set: Josias Salvaterra.
Motoristas: Fábio Arocha, Luis Alberto Muniz.

EQUIPE Sala Carlos Carvalho-Casa de Cultura Mario Quintana
Direção Núcleo Artes Cênicas: Sara Sirianni.
Assessoria técnica: Gustavo Tovo.

FOTOGRAFIA
Direção de fotografia: Lúcio Kodato, ABC.
Assistência de fotografia: Vica Nabuco.
Operação de câmera: Vica Nabuco, João Batista Fröhlich.
Assistência de câmera: Luciana Baseggio, Marcelo Leite.
Logger: Arno Schuh.

Eletricista chefe: Cleber Kühn.
Assistência de elétrica: Felipe Kuhn.
Maquinista chefe: Anderson Dias.
Assistência de maquinaria: Gilmar Garcia.

Fotografia de cena: Nilton Santolin.
Making of: Leo Alvim.

ARTE
Direção de arte: Enio Ortiz.
Assistência de arte: Valentina Baisch.
Produção de objetos: Clarissa Ramires.

Figurino: Marcia Matte.
Maquiagem: Val Oliveira.

SOM
Som direto: Fernando Basso.
Assistência de som direto: J. B. Suriz.
Captação trilha musical: Clement Zular.
Engenheiro de áudio: Ernani Napolitano.

MÚSICA
Músicas: Lupicínio Rodrigues.
Direção musical e arranjos: Matias Capovilla.
Edição e mixagem da música: Clement Zular.

Músicas (ordem de inserção):
• "Nervos de aço" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba) por Arrigo Barnabé
• "Calúnia" (Lupicínio Rodrigues, Rubens Santos; samba-canção) por Anaadi
- Perdidos em cena
• "Ela disse-me assim (Vai embora)" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba-canção) por Pedro Sol
- Amor só rima com dor
• "Você não sabe" (Lupicínio Rodrigues, Rubens Santos; samba) por Anaadi
• "Quem há de dizer" (Lupicínio Rodrigues, Alcides Gonçalves; samba) por Arrigo Barnabé
• "Vingança" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba-canção) por Anaadi
- O fio da meada
• "Quem me para?" por Anaí Rosa e Banda Havana Brasil
• "Andam dizendo" (Pedro Sol) por Pedro Sol
- Primeiro assalto de uma luta
• "Nunca" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba-canção) por Anaadi
• "Eu e o meu coração" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba) por Pedro Sol
- No meio do furacão
• "Os Beijos dela" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba) por Arrigo Barnabé
• "Se é verdade" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; toada) por Anaadi
- O mal no coração da gente
• "Volta" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba-canção) por Arrigo Barnabé e Pedro Sol
• "Aves daninhas" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba) por Anaadi
• "Um Favor" por Arrigo Barnabé
• "Esses moços (Pobres moços)" (música, letra: Lupicínio Rodrigues; samba) pelos músicos

Músicas adicionais:
• "Um Anjo passou por aqui" (Arrigo Barnabé)
• "Instante" (Arrigo Barnabé) [LP: Arrigo Barnabé e a Banda Sabor de Veneno. Clara Crocodilo, 1980; faixa A4]
• "Descarga brasileira" (Zé Alexandre) Banda Havana Brasil
• "Quase uma flor" (Matias Capovilla, Guga Stroeter) Heartbreakers

FINALIZAÇÃO
Montagem: Marilia Alvim.
Assessoria de montagem: Flávia Gonçalves, Tainá Menezes.

Supervisão de som: Kiko Ferraz, Chrístian Vaisz.
Edição de diálogos: Ricardo Costa, Gabriel Menezes.
Edição de ambientes e efeitos sonoros: Gabriel Menezes, Manoel de Andrade.
Foley: Felipe Burger Marques.
Gravação de foley: Renato Galimberti.
Edição de foley: Manoel de Andrade, Waleska Sartori.
Mixagem: Ricardo Costa.
Coordenação de estúdio de som: Lísia Faccin.

Direção de produção e animação dos créditos de abertura: Douglas Renê Barra, João Franz.
Composição gráfica e animação dos créditos de abertura: João Franz.
Codireção de animação dos créditos de abertura: Aislan.

EQUIPE Atama Filmes (pós-produção)
Produção executiva: Rogério Rodrigues.
Assistência de produção executiva: Laura Hickmann.
Coordenação de edição: Alfredo Barros.
Finalização de letreiros: Bruna Skrzypek.

EQUIPE Quanta Post (pós-produção)
Direção geral: Gui Ramalho, Hugo Gurgel.
Direção de operações: Marcelo Aprile.
Coordenação: Karina Oliveira.
Direção comercial: Sophia Nery.
Financeiro: Mirian Nohara.
Colorista: Marco Oliveira.
Supervisão de intermediação digital: Ludmila Fornes, Luis Renato, Paulo Ernesto Jr..
Supervisão de composição: Eduardo Amodio.
Composição: Gustavo Schiapim, Lucas Sousa, Marcelo Santos, Nelson Fernandes Jr..
Motion design/3D: Vander de Sousa.
Supervisão de TI: Ricardo Mello Côrte Real.
Supervisão de masterização DCP: Rogério Moraes.
Assistência de masterização DCP: Sara Cardoso.
Supervisão laboratório digital: Robson Pedroso.
Assistência do laboratório digital: Cesar Teixeira, Alex Dias.

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS
Transporte: Arocha Transporte (Porto Alegre).
Estúdio de produção dos créditos iniciais: Black Dog Studio.
Estúdio de som: Kiko Ferraz Studios (Porto Alegre).
Câmeras e projetor: Panasonic do Brasil Ltda..

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: Saturna Produções (Rio de Janeiro).
Coprodução: Atama Filmes (Porto Alegre); Canal Brasil (Rio de Janeiro); Boa Vista Cinema; Kiko Ferraz Studios (Porto Alegre).
Produção associada: Lúcio Kodato / Zenith Imagens Ltda. (São Paulo); Matias Capovilla / Das Trilhas Coração (São Paulo); Claudinho e Preta Pereira Produções (Porto Alegre).
Financiamento (BR/RS): Edital SEDAC nº 39/2013: Concurso RS Polo Audiovisual – Finalização de longa-metragem. Pró-cultura RS Lei nº 13.490/2010 FAC Fundo de Apoio à Cultura. Realização: SEDAC Secretaria de Estado da Cultura, por intermédio da Diretoria da Economia da Cultura e do IECINE Instituto Estadual de Cinema do RS / Governo do Rio Grande do Sul. Proponente: Atama Filmes Produtora Audiovisual Ltda.. Valor: R$ 100.000,00.
Captação de recursos: através da Lei do Audiovisual Lei nº 8.685/93 / ANCINE Agência Nacional do Cinema.
Patrocínio: BR Petrobras / MinC Ministério da Cultura / Governo Federal – Brasil – País rico é país sem pobreza [Este filme foi selecionado pelo Programa Petrobras Cultural].
Apoio: Lei do Audiovisual / ANCINE Agência Nacional do Cinema; Oi Futuro; Quanta Post (São Paulo); Made4you; Person Piano; Clement Zular Áudio Portátil; Casa de Cultura Mario Quintana; Boscato – Vinhos Finos; Naymar – Infraestrutura Audiovisual (Porto Alegre); Panasonic – Ideas for life; Dado Bier; Café dos Cataventos.

AGRADECIMENTOS
Agradecimentos: Albertus Bernardus Eskes, Angela Moreira, Anna Pareschi Capovilla, Arlete Gonçalves, Angela Carvalho, Boscato Vinhos Finos, Café do Lago, Café do Porto, Carmeline Bandsz, Casa de Cultura Mario Quintana, Cesar Guiserman, Cia das Pizzas, Claudinho Pereira, Cristiane Cecilio de Carvalho G. Coelho, Cristiano Ribeiro, Dometila Café, Espumante Valduga, Flavio Duarte, François Wolf, Frederico Mendina / Pironauta Produtora, Giorgio Bossi, Heloisa Alvim, Ivelise Ferreira, Jacira Aparecida Coelho, Jane Queiroz, Jards Macalé, Jorge Martins, Lia Capovilla, Made4you, Mano Pereira, Marcos Vinicios Coelho, Mario Cidade, Mario Garcia, Master Hotel, Person Piano, Preta Pereira, Café dos Cataventos, Restaurante e Cervejaria Dado Bier, Rogerio Priori, Sabor do Queijo, Tymur Klink.

In memoriam: Geraldo Flach [1945-2011], Kika Lisboa, Marcos Barreto [1959-2011], Paulo de Tarso Alvim [1919-2011].

FILMAGENS
Brasil / RS, em Porto Alegre, em lugares como: Centro Histórico, na Casa de Cultura Mario Quintana, na Sala Carlos Carvalho no 2º andar, ala oeste; no Café dos Cataventos no térreo; ruas; Parque da Redenção.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 84 min
Som: Dolby Digital
Imagem: cor
Proporção de tela:
Formato de captação:
Formato de exibição:

DIVULGAÇÃO

DISTRIBUIÇÃO
Classificação indicativa:
DVD institucional:
DVD institucional disponível no IECINE.

Contato:

OBSERVAÇÕES
Pedro Sol aparece creditado duas vezes: em elenco e entre os músicos (violão), no entanto trata-se do mesmo "personagem".
Os nomes dos personagens não estão creditados.
Sobre apoio: Oi Futuro aparece como apoio sozinho em CI, enquanto os outros apoiadores aparecem reunidos em uma única cartela em CF.
Kiko Ferraz Studios aparece em CI logo após coprodução e antes de apoio, não ficando clara sua posição na ficha técnica.
As músicas estão creditadas genericamente para Lupicínio Rodrigues, no entanto, algumas são em coautoria. Não estão informados os intérpretes.
CF termina com: // 2014 //
Boa Vista Cinema, nome fantasia de Boa Vista Produções Cinematográficas Ltda., empresa de Marilia de Rezende Alvim e Maurice Carlos Capovilla.
Grafias alternativas: Ana Lonardi (i) e Ana Paula Lonardi (f) [= Anaadi] | Jorginho do Trumpete (i) e Jorginho do Trompete (f) | Mano 'Josias Salvaterra' | Fábio Catalane Avocha | Dani Fogliato | Felipe Kühn | João Fröhlich | Person Pianos | Douglas Renê
Grafias alternativas (funções): Fotografia de cena (i) e Still (f) | Produção de objeto | Figurinista | Artista de foley | Chefe de maquinaria
Avocha Transporte | Teatro Carlos Carvalho | Restaurante Catavento | Boscato Vinhos Vinos
"Eu e meu coração"

DISCOGRAFIA
Lupicínio Rodrigues
Arrigo Barnabé

BIBLIOGRAFIA
Sobre Lupicínio Rodrigues:
Ver Bibliografias: Autobiografias, biografias, correspondência, songbook: música.

Exibições


• Fortaleza (CE), 24º Cine Ceará Festival Ibero-americano de Cinema [15-22 nov]-Sessão de encerramento, Theatro José de Alencar, 22 nov 2014, sab

• Tiradentes (MG), 18ª Mostra de Cinema de Tiradentes [23-31 jan]-Mostra Praça, jan 2015

• Porto Alegre (RS), Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 4 ago 2015, ter, 19h30 (pré-estreia)

• Vitória (ES), Festival de Cinema de Vitória, set 2015

Lançamento comercial: 22 set 2016, qui

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
Nervos de aço. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://www.cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/959/nervos-de-aco. Acesso em: 19 de junho de 2024.